sexta-feira, 7 de outubro de 2016

É no Ribatejo, em Santarém

  Aqui no alto, adivinha-se a tranquilidade dentro destas paredes brancas
                        O acesso à Pousada
                            Miradouro das Portas do Sol
                   Um  monumento ao Soldado Português
       Lá no alto um pouco do antigo castelo, e a Porta do Sol

8 comentários:

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Com uma estátua do conquistador diria que era Guimarães mas no Ribatejo não estou a ver.
Um abraço e bom fim-de-semana.
Andarilhar

Anabela Jardim disse...

Interessantes imagens. Depois você revela o nome do lugar? Sou Anabela, também reformada, ou aposentada como se diz aqui no Brasil.

dilita disse...

Olá Francisco!

Tenho a certeza que já esteve neste lugar, só que não viu a estátua. Igual me aconteceu, apesar do seu grande porte...
Mas nesta altura já descobriu, não tenho a menor dúvida.
Abraço.

dilita disse...

Querida Anabela,

Bem-vinda ao meu Birras.
Daqui a nada, alguém dirá o nome da cidade, pois ainda vou colocar mais algumas fotos.
Claro que irei revelar, mas penso que só terei de confirmar.
Obrigada pela visita, volte, eu a espero.

Maria sanganha disse...

Dilita se não estou enganada essa linda cidade é Santarém, onde está e estátua do Capitão Salgueiro Maia. Beijos.

dilita disse...

Querida Maria Sanganha,

Não está enganada, está certa-todas estas fotos pertencem à linda Santarém.
Não era muito fácil com aquelas fotos a identificação. Mas as que coloquei a seguir
já tinham mais referências.

Isto é uma brincadeira, uma forma de contactarmos- não acha? Eu penso assim.

Beijinhos

Viviana disse...

Querida Dilita

Eu bem me parecia que já tinha andado por aqui...
Não sabia era localizar.

Se fosse o meu filho Pedro, que mora em Rio-Maior e trabalha na Câmara de Santarém...
adivinhava logo. Claro
Foi ele que me mostrou estas belezas.

Um abraço
Viviana

Maria sanganha disse...

Bom dia Dilita temos que tentar passar o tempo para muitas vezes os nossos dias sejam melhores, eu estou a passar por um período menos bom da vida e tento levantar a cabeça e seguir em frente, não é nada de grave mas perdi os meus pais com diferença de poucos meses e foi muito doloroso mas e idade não perdoa, desculpe o desabafo,beijos, Maria Helena.