sexta-feira, 16 de maio de 2014

O segredo do Algarve

Há uns anos atrás o crochet estava nos gostos de muita gente, jovem, adulta e idosa. Era comum em locais que exigissem espera, ou nos transportes, e também nos parques e na praia em tempo de lazer, vermos pessoas tecendo as suas rendas, mais ou menos elaboradas, mas sempre bonitas. Actualmente parece ter caído em desuso, e muitas jovens já nem apreciam esses trabalhos. Eu, como já não sou jovem, gosto muito de rendas, e tenho muitos desses trabalhos. E como gosto de os ver, dou-lhes uso. Na semana que passou, tive a empreitada de cuidar de alguns jogos de naperons, isto é, lavar e passar a ferro, tarefa  um tanto morosa, mas para a qual tenho sempre boa vontade, e no fim até me sinto compensada ao olhá-los.
Hoje, antes de os guardar, resolvi fotografar e colocar aqui. É o chamado segredo do Algarve, é interessante pelo facto de nunca se partir a linha, isso é que é o segredo.
Tenho a certeza que vão gostar.                  




16 comentários:

Viviana disse...

Querida Dilita

Ah! mas que boa ideia teve em nos mostrar aqui os seus belos trabalhos de crochet!

Tão lindos!
Tão perfeitinha, a obra!

Veja lá que eu, uma amante e "fazedeira" de crochet... não conhecia "O segredo do Algarve!

Amiga,
Como eu a compreendo...

Na travessia do Tejo de Cacilhas para Lisboa e vice-versa...fiz uma colcha linda!

Toalhas de mesa - enormes montes de naperons...de todas as formas e feitíos...
Estou a dar uso porque não sei se alguém irá valorizar estes meus trabalhos.

Obrigada por ter trazido este tema.
Um dia destes "mostro no meu espaço alguma coisas, também
Um abraço
e um lindo dia
Viviana

zito azevedo disse...

Espanta saber que se podem completar estas obras-primas com um só fio...Lembro-me bem dessa época do crochet e das duas pequenas agulhas cromadas nas mãos de minha mãe, minhas tias e minhas primas...Aliás recordo haver homens que tambem o fazíam pois havia a convicção de era uma boa terapêutica ocupacional...Bom tema!
Bom fim-de-semana!
Zito

Mona Lisa disse...

Também fiz e tenho algumas peças em croché.

Continuo a gostar e a usá-los.

Não conhecia o "segredo do Algarve".

O naperon é belíssimo.

Beijinhos.

dilita disse...

Olá amiguinha Viviana

Obrigada pela visita.
No principio do Blog eu comecei por colocar as rendas de bilros e a história da minha aprendizagem, eu ensinei as frioleiras, e em troca aprendi os bilros. Nunca me lembrei do segredo do Algarve, mas agora calhou.

Saudades do Cacilheiro...
Beijinho, e bom Domingo.

dilita disse...

Olá Zito amigo

Obrigada pelo comentário. É verdade, nós todas sabiamos estas artes. Com uma agulha, ou com duas, e até com cinco agulhas e uma agilidade nos dedos que se adquiria sem se dar conta. E faziamos trabalhos bonitos. " das modestas não reza a história..."
Bom Domingo.

dilita disse...

Querida Lisa

Como escrevi, tem a particularidade de nunca se partir a linha, é o segredo, está dito. E as algarvias são boas rendilheiras, ou eram...

São jogos de quarto,3 naperons de cada.
Estes são o tamanho mais pequeno.

Obrigada pela visita.
Abraço e um bom dia.

Nouredini.'. Heide Oliveira disse...

Dilita,
sou, como dizem:- uma formosa sem dotes.
Parabéns pela criatividade e pela artista que és.
Beijos de novelos

Anónimo disse...

Nouredini

Não conhecia esta máxima...
Gostei. Mas eu aprecio a formosura.

Vou dizer de modo diverso,
novelos de beijinhos.
Dilita

Anónimo disse...

Não consegui enviar o comentário doutra forma que não fosse como anónimo.

Eu queria dizer assim:-
Vou dizer de modo inverso,

Beijinho
Dilita

Leila Silveira disse...

quanta delicadeza, nem sei quem tu és , mas ja estou apaixonada por tua alma.

Norminha disse...

Olá Dilita!

Muito me encanta olhar estes seus Naperons com seus "segrêdos"! rs...
Uma saudável semana para você!
Abraço,

Norminha

Mirian Araujo disse...

Olá querida.
Estou simplesmente encantada com esse centro de mesa gostaria de saber se você pode me mandar o grafico, queria mt fazê-lo...
Grande bjo

dilita disse...

Olá Miriam

Bem-vinda ao meu Birras.
Respondi ao seu pedido, no seu blog.
Retribuo beijinhos.

Mirian Araujo disse...

Olá Dilita..
Infelizmente não consegui visualizar a sua resposta no meu blog...
Vou te deixar meu e-mail. se vc puder me mandar o grafico. ficarei imensamente grata
mirian.s.araujo@hotmail.com

Mirian Araujo disse...

Dilita minha querida...
Agora encontrei...
Obrigada minha linda por tamanha gentileza, vou tentar fazer e vou te mandar uma foto... Parabéns pelos 50 anos de casamento... Que o Senhor Deus em sua infinita sabedoria te cubra com toda sorte de bençãos.
Felicidades
Beijinhos...

Maria Estêvão disse...

Encontrei seus trabalhos em pesquisa que fiz. São lindos!Horas de trabalho,amor e paixão! Tinha uma´amiga algarvia que me ensinou alguns, que agora queria fazer e já não me lembro.Será que lhe peço muito ao pedir-lhe o gráfico desse centro de mesa? Fico-lhe muito´grata.Um Bom Ano para a senhora , sobretudo, com muita saúde!Felicidades!!!!!!!!